Contacto WhatsApp 961135355

Universidade Lusófona do Porto

Núcleo de Estudos e Práticas em Serviço Social 1

Apresentação

A unidade curricular aborda o processo de auto conhecimento do discente na compreensão do contexto pessoal, nas suas relações e interdependência - quem sou, de onde venho, que objetivos tenho, quais competências pessoais e dificuldadades tenho. Neste processo dá-se ênfase à formação profissional e científica, o conhecimento científico para intervenção, o papel da observação, observar o quê? Porquê, Para quê? Instrumentos e posturas face à observação. Construção de uma grelha de observações para as aproximações com a realidade concreta, associada aos interesses e motivações subjetivas e objetivas para o ingresso no curso. Registo de dados e recolha de informação. Reflexões e possibilidades de análise. A interdependencia acadêmica, capacidade de estudo, formas acadêmicas, consulta e utilização de fontes (bibliográficas, internet), referenciadas pela American Psycological Association - APA.

 

Curso

Serviço Social (ULP)

Grau|Semestres|ECTS

| Semestral | 2

Ano | Tipo de unidade curricular | Lingua

1 |Obrigatório |Português

Código

ULP733-21826

Disciplinas complementares recomendadas

O conjunto das unidades curriculares do primeiro ano, como: História e Fundamentos do Serviço Social, Economia Social, Teorias Sociológicas relacionam-se modo a levar o discente a perceber a dimensão histórica e teorico prática da profissão de Serviço Social, bem como sua relação com as Ciências Sociais.

Estágio profissional

Não

Conteúdos Programáticos

A unidade curricular possui os seguintes conteúdos programáticos:

- auto conhecimento - compreensão do contexto pessoal, relações e interdependência - quem sou, de onde venho, que objetivos tenho, quais competências pessoais e dificuldadades tenho;

- desenvolvimento de competências pessoais  (conhecimento, habilidades e atitudes) e sociais;

- a observação - tipos, finalidades, instrumentos e portura;

- a cartografia como método de apreensão e apresentação de resultados;

- como construir: um portfolio, uma grelha de observação, uma ficha de leitura, registo de dados e recolha de informação;

- a interdependencia acadêmica, capacidade de estudo, formas acadêmicas, consulta e utilização de fontes (bibliográficas, internet), referenciadas pela APA.

Objetivos

Os objetivos da unidade curricular são: 

- diluir a fronteira entre universidade/sala de aula e os fenomenos na sua expressão complexa de factualidade e vivência dos sujeitos;

- conhecer, reforçar e desenvolver competências pessoais e sociais;

- aprofundar o conhecimento do seu meio familiar e social; 

- contribuir para o conhecimento da realidade local circundante à ULP;

- desenvolver a dimensão operativa na construção de instrumentos próprios à actividade da UC; 

- proporcionar uma primeira socialização dos estudantes com os campos e práticas significativas dos assistenets sociais, conhecendo e relacionando-se com a intervenção destes profissionais.

Metodologias de ensino e avaliação

Privilegiam-se metodologias participativas na perspectiva de reflexão e análise, a partir das vivências dos discentes a respeito das realidades estudadas. Assim, coloca-se em prática metodologias de ensino/aprendizagem ativas, além da observação de realidades sociais incentiva-se a participação à investigação bibliográfica e de terreno. Neste processo serão utilizadas a técnica de "tempestades de ideias", visualização de filmes e documentários. Estimula-se a construção de instrumentos a utilizar, quer na observação quer em elementos de estudo ¿ grelha observação, portfólio cartografia etc; além de visitas à organizações de prática sociais e culturais, ou entrevistas com profissionais.

A avaliação das atividades: produção de um portifólio com elementos da observação, grelhas, cartografias e etc com reflexão do processo (40%); apresentação do portifólio (20%); Relatórios de visita e das atividades desenvolvidas em sala, como: visualização e debate de documentários (40%).

Bibliografia principal

 

Chauí, M. (2000). Convite à Filosofia, São Paulo: Àtica.             

DRE/PT (2021). Declaração Universal dos Direitos Humanos. Disponível em: https://dre.pt/declaracao-universal-dos-direitos-humanos. Acesso em: 08 set. de 2021.

Demo, P. (2015). Metodologia do Conhecimento Científico. Recuperado de https://www.youtube.com/watch?v=7hLqaJLQ5Q4&list=RD7hLqaJLQ5Q4&start_radio=1&t=58. acedido em 25/08/2020.

Freire P. (1981). Considerações sobre o ato de estudar. Rio de Janeiro: Paz e Terra.

Jordão, A. (1997). O balanço de competências: conhecer-se e reconhecer-se para gerir os seus adquiridos possoais e profissionais. Lisboa: Codex.

 

 

 

 

Horário de Atendimento

Nome do docente  

Horário de atendimento

Sala

Fabrícia Cristina de Castro maciel              

Segunda-feira das 16:00 às 17:00hs