Contacto WhatsApp 961135355

Universidade Lusófona do Porto

Licenciatura em Engenharia Informática

Faculdade de Ciências Naturais, Engenharias e Tecnologias

Candidatar-me a este curso

Apresentação do Curso

A Licenciatura em Engenharia Informática pretende formar profissionais que respondam eficazmente aos desafios emergentes do mundo das Tecnologias de Informação, desenvolvendo competências sólidas na análise de requisitos, desenho e desenvolvimento de soluções informáticas, desenho de arquiteturas, planeamento de projetos e gestão de equipas. Cientes da complexidade dos projetos de desenvolvimento de software, a licenciatura em Engenharia Informática promove a criação de um projeto integrado a várias unidades curriculares que garante a participação dos alunos num cenário praticamente real, que em muito beneficia a sua aprendizagem e preparação para o mercado de trabalho.
A direção da Licenciatura em Engenharia Informática aposta continuamente numa forte aproximação ao mercado empresarial, promovendo eventos e estabelecendo protocolos de parceria com empresas de consultoria e desenvolvimento de software com forte presença em Portugal. Anualmente, são disponibilizados estágios aos nossos alunos, que enriquecem a sua formação e experiência e servem de criação de oportunidades de colocação no mercado de trabalho.

Razões para frequentar este curso

  • Corpo docente maioritariamente com grau de doutor nas áreas das ciências informáticas.
  • Corpo docente qualificado e com ampla experiência profissional. O corpo docente é constituído por académicos e profissionais da área de reconhecida competência.
  • Os conteúdos programáticos abrangem conhecimentos científicos e técnicos atuais, garantindo as competências fundamentais para uma inserção efetiva no mercado de trabalho nas áreas da Engenharia Informática.
  • Curso com saídas profissionais diversificadas e forte aposta na empregabilidade.
  • Organização de eventos (congressos, conferências, palestras) com a participação de figuras de relevo nas áreas de estudo.
  • Desenvolvimento de competências nas áreas da algoritmia e linguagens de programação, arquitetura e redes de computadores, bases de dados, sistemas de informação, engenharia de software, sistemas interativos e inteligência artificial.

Despacho do curso

Despacho nº 6033/2007, de 23 de março, alterado pelo Despacho nº 9592/2020, de 2 de outubro

Estado de acreditação pela A3ES

Acreditado - Deliberação da A3ES

Data de publicação da decisão

13/08/2020

Registo

R/A-Ef 102/2012

Grau ou Diploma conferido | Duração | ECTS

Licenciado |6 Semestres |180 ECTS

Direção do Curso

Prof. Doutor José Ângelo Braga de Vasconcelos

Secretariado

Carla Silva

Condições de Ingresso

Podem candidatar-se a este ciclo de estudos os que apresentem candidatura através do concurso institucional de acesso e tenham aprovação à seguinte prova de ingresso:

16 Matemática

Os candidatos podem ainda ingressar através dos regimes de mudança de par instituição/curso ou através de um Concurso Especial, de acordo com as normas legais em vigor (titulares de curso superior, titulares de Curso de Especialização Tecnológica, titulares de Curso Técnico Superior Profissional ou Maiores de 23 anos).
Podem ainda ingressar os candidatos que reúnam as condições previstas no Estatuto do Estudante Internacional.

Requisitos de Graduação

Ter concluido um total de 180 ECTS

Objetivos

A licenciatura em Engenharia Informática procura responder à necessidade local e nacional de formação de profissionais habilitados com competências básicas e avançadas no uso e manipulação de Tecnologias da Comunicação e da Informação (TIC). Num contexto marcado pelo crescimento exponencial dos mecanismos de mediatização da experiência e pela complexificação do número e tipo de dispositivos utilizados na criação e desenvolvimento de aplicativos e soluções de apresentação, manipulação e visionamento de informação, a aquisição de competências que permitam executar e produzir este tipo de aplicativos e conteúdos, revela-se como factor concreto de competitividade e facilitação da inserção no mercado de trabalho dos futuros licenciados.

Destinatários

Estudantes que concluíram o 12º ano de escolaridade e estão interessados em continuar os seus estudos na Universidade Lusófona do Porto (ULP) nas áreas das Ciências Informáticas.

Conhecimentos, capacidades e competências a adquirir

A licenciatura em Engenharia Informática tem como principal objectivo formar especialistas aptos a manipular e editar informação ao nível conceptual e abstrato, independentemente das realidades físicas que a suportam ou a que dizem respeito. O curso de Engenharia Informática envolve um conjunto de matérias de formação elementar, de base e especializada, que permitem ao futuro profissional atuar com rigor científico e atualidade tecnológica, em domínios que englobam a análise, concepção, modelação, produção, operação e manutenção de aplicativos informáticos, arquiteturas de computadores, aplicativos multimédia e redes.

Equipamentos e Instalações

A Universidade está disposta por 6 pisos, contando com 30 salas de aula, 7 anfiteatros, 2 labs de fotografia e vídeo, um estúdio de sonoplastia, 2 ateliers de design, 4 salas de arquitetura, um Centro de Trabalho Tecnológico, 5 labs de informática, 4 labs dedicados para a física, química, biologia e engenharias, 2 labs de psicologia, um salão nobre e uma sala de atos académicos.
A Universidade disponibiliza uma infraestrutura de rede WiFi (eduroam) cobrindo todas as suas instalações, software licenciado dedicado a cada área específica de formação e serviços digitais tais como o Moodle, Portal Académico, Lusófona Mobile, VPN e App Ensino Lusófona.
No âmbito das salas de aula, dos laboratórios e dos auditórios são disponibilizados equipamentos multimédia e recursos ao nível das TIC, incluindo videoprojectores, computadores, equipamentos de áudio e vídeo e sistema de streaming necessário para fazer face às necessidades das diversas áreas de ensino, e facilitadoras de boas práticas pedagógicas.
As instalações estão preparadas para acolher estudantes portadores de algum tipo de mobilidade reduzida, tais como rampas de acesso e elevador.

Estudos Futuros

Os conhecimentos específicos adquiridos na licenciatura irão permitir o desenvolvimento de estudos pós-graduados ou mestrados (2º ciclo) nas áreas das Ciências da Computação e da Gestão de Sistemas de Informação.

Saídas Profissionais

A Licenciatura em Engenharia Informática pretende produzir um perfil profissional do Engenheiro de Software, o qual é caraterizado por especialistas com uma capacidade mais abrangente de compreender e conceber grandes projetos de engenharia informática, liderar equipas de desenvolvimento de projetos em informática e gerir e manter sistemas de informação. O diploma apresenta ainda uma formação profunda em domínios comuns às Engenharias, como a Física e a Matemática, e em domínios específicos da Engenharia Informática, como a Metodologia da Programação, os Sistemas de Informação, as Redes de Comunicações, e a gestão, tanto de sistemas como de projetos.
Os especialistas a formar caracterizar-se-ão, por isso, pela sua formação sólida na área das Tecnologias de Informação, considerando-se como competências essenciais o domínio dos princípios e metodologias da programação, a capacidade de conceber e gerir sistemas de informação, desenhar e manter redes informáticas e sistemas distribuídos, desenhar, manter e analisar a implementação de soluções de bases de dados, manipular informação multimédia, analisar e processar informação matemática a aplicar e a mesma no domínio da computação, e possuir a capacidade para gerir equipas de projeto. Os Licenciados em Engenharia Informática encontrarão situações de emprego na rede Europeia de organismos públicos e privados com necessidades de desenvolvimento, utilização, reorganização e modernização de sistemas de informação, nomeadamente: em empresas vocacionadas para o desenvolvimento e comercialização de soluções baseadas em informática; na integração e chefia de equipas informáticas em grandes empresas dos sectores comerciais, industriais ou dos serviços; em instituições ligadas ao sector público estatal ou privado, em particular na área dos serviços.

Investigação

Em conjunto com a atividade docente e pedagógica os professores desenvolvem investigação nas áreas das Ciências da Computação e Sistemas de Informação em centros de investigação acreditados pela FCT, incluindo o Centro de Investigação COPELABS (copelabs.ulusofona.pt) da Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias (ULHT).

Observações

Esta Licenciatura habilita à inscrição na Ordem dos Engenheiros Técnicos.
Este ciclo de estudos possui, ainda, um regime de tutoria, através do qual estudantes que necessitem de apoio possam obtê-lo, quer por parte dos docentes quer por parte dos colegas, através de um regime de apadrinhamento, a partir do qual os estudantes seniores promovem o acolhimento dos novos estudantes, que ingressam no 1º ano. Todo o corpo discente conta ainda com o apoio do provedor do estudante, bem como com um amplo acompanhamento e supervisão por parte da Direção de Curso, incluindo o acolhimento dos novos estudantes e a integração dos finalistas no mercado de trabalho, procurando manter os estudantes informados acerca de todos os assuntos relevantes, ao longo do seu percurso académico.

Áreas Científicas

Ciências informáticas | Matemática e estatística | Electrónica e automação

Ligações

Plano de Estudos

Despacho nº 6033/2007, de 23 de março, alterado pelo Despacho nº 9592/2020, de 2 de outubro
1.º Ano/ Tronco comumSemestre ECTS
Álgebra1º Semestre6
Algoritmos e Estruturas de Dados1º Semestre6
Análise Matemática I1º Semestre6
Matemática Discreta1º Semestre6
Sistemas Digitais1º Semestre6
Análise Matemática II2º Semestre6
Arquitetura de Computadores2º Semestre6
Elementos de Física2º Semestre6
Estatística2º Semestre6
Fundamentos de Programação2º Semestre6
2.º Ano/ Tronco comumSemestre ECTS
Análise e Desenho de Sistemas1º Semestre6
Gestão de Projetos1º Semestre6
Linguagens de Programação1º Semestre6
Sistemas de Informação1º Semestre6
Sistemas Operativos1º Semestre6
Bases de Dados2º Semestre6
Desenho de Sistemas Interativos2º Semestre6
Engenharia de Software2º Semestre6
Programação para a Web2º Semestre6
Redes de Computadores2º Semestre6
3.º Ano/ Tronco comumSemestre ECTS
Interação Homem-Máquina1º Semestre6
Programação de Sistemas Inteligentes1º Semestre6
Programação para Dispositivos Móveis1º Semestre6
Projeto I1º Semestre6
Segurança e Auditoria1º Semestre6
Programação de Sistemas Distribuídos2º Semestre6
Programação de Sistemas Embebidos2º Semestre6
Programação Paralela2º Semestre6
Projeto II2º Semestre12

Corpo Docente

Lista de Professores do Curso, Habilitações e Regime de Tempo
DocenteHabilitações AcadémicasRegime
Angelina Maria Da Costa Santos MestradoTempo Parcial
Cândida Maria Duarte ManuelDoutoramentoTempo Integral
Carla Sofia Moreira CordeiroMestradoTempo Integral
David José Ribeiro LamasDoutoramentoTempo Integral
Hugo Fernando Azevedo BarbosaMestradoTempo Parcial
Jorge Manuel Pereira DuqueTempo Parcial
José Ângelo Braga De VasconcelosDoutoramentoTempo Parcial
José Carlos Lobinho GomesMestradoTempo Integral
Nuno Fernando Oliveira Correia Dos SantosDoutoramentoTempo Integral
Óscar Rafael Da Silva Ferreira RibeiroDoutoramentoTempo Integral
Pedro Rodrigo Caetano Strecht RibeiroMestradoTempo Parcial
Ricardo Roberto Duarte MarauDoutoramentoTempo Integral
Vitor Júlio Da Silva E SáDoutoramentoTempo Parcial

Valores

2021/22
Acesso 175 €
Estudantes Internacionais 255 €
Estudantes Internacionais 255 €
Mudança de curso 75 €
Reingresso 75 €
Titulares de curso superior 175 €
2021/22
Seguro Escolar40 €
Matrícula245 €
Inscrição260 €
2021/22
Valor médio mensal para 30 ECTS para disciplinas semestrais 342 €
Valor por ECTS 11,4 €

A este ciclo de estudos/programa de formação aplicam-se as tabelas de emolumentos em vigor na Universidade Lusófona do Porto para o presente ano letivo