Contacto WhatsApp 961135355

Universidade Lusófona do Porto

A ULP no Teatro Nacional de S. João

A peça "Auto-Acusação" está em exibição nos próximos dias 27 e 28 de julho.



A partir de Auto-acusação, as encenadoras Joana Providência e Maria do Céu Ribeiro levantam o espetáculo/exercício dos alunos da licenciatura em Artes Dramáticas - Formação de Atores da Universidade Lusófona do Porto, Prática Teatral VI, com a participação dos alunos dos 1.º e 2.º anos. Em Auto-acusação, uma das "Peças Faladas" do dramaturgo austríaco Peter Handke, a palavra ganha o protagonismo da cena. Há um jogo provocatório com o espectador que se foca no ato de falar. A fala como uma ação. A confissão "eu..." é proferida pelo autor, mas tanto é dirigida a si próprio como a qualquer um dos que se encontram no palco e na plateia: "Eu fui ao teatro. Eu ouvi esta peça. Eu disse esta peça. Eu escrevi esta peça." Se a linguagem permite um trabalho de voz surpreendente, a forma como a voz desse "eu" é aqui desenvolvida gera uma polifonia que espoleta ações físicas. Para as encenadoras, interessa reavaliar essa intenção de Handke e do seu teatro pós-dramático à luz de um tempo que alterou profundamente os hábitos de perceção do público, o público de hoje.

Website do Espetáculo