Contacto WhatsApp 961135355

Universidade Lusófona do Porto

Gestão de F&B em unidades hoteleiras

O convidado Fábio Rebelo, conta-nos o seu percurso profissional e as dificuldades com que se deparou



Fábio Rebelo volta à Universidade Lusófona do Porto no dia 6 de dezembro, mas desta vez como convidado de uma aula aberta.

Atualmente responsável pelo departamento F&B e coordenador responsável pelo departamento de eventos no hotel Holiday Inn Porto - Gaia, Fábio Rebelo licenciou-se em Turismo e Gestão de Empresas Turísticas na ULP.

Explica, ao longo da aula aberta para a qual foi convidado, o seu percurso profissional e as dificuldades que encontrou neste.

Chegou aos cargos que exerce atualmente depois de ter trabalhado na ACISJF - self invia, no grupo Ibersol e no Tattva - design hotel. Afirmou que alguns destes empregos ensinaram-lhe o que fazer e outros o que não se deve fazer, sendo ambas as aprendizagens importantes. É neste contexto que enfatiza a relevância dos estágios e constata: "Só quando se está a trabalhar é que se aprende o que se deve ou não fazer".

Mas qual é o papel do departamento F&B? Ora, o papel do F&B passa pela elaboração da estratégia comercial, a definição do orçamento anual, a inspeção da qualidade do serviço e pela coordenação operacional das diversas equipas. "Em F&B todos os desperdícios contam", declara Fábio Rebelo. O departamento em questão trabalha com o HACCP em contexto preventivo e em contexto corretivo e este divide-se em 3 tipos de perigos: biológicos, físicos e químicos. Encara, por isso, o HACCP como uma ferramenta de gestão: na manutenção de equipamento, na gestão de validades e no controlo de stocks.

"As expetativas são muitas e vão encontrar muitas frustrações, mas têm de se manter fortes e resilientes" e "Mostrem-se interessados e quando não souberem algo que é mencionado tentem saber. Isto faz a diferença" - são os conselhos dados por Fábio Rebelo no final da sessão.