Contacto WhatsApp 961135355

Universidade Lusófona do Porto

Teorias dos Crimes

Curso

Psicologia da Justiça: Vítimas de Crime

Grau|Semestres|ECTS

Mestrado | Semestral | 5

Ano | Tipo de unidade curricular | Lingua

1 |Obrigatório |Português

Total de horas de Trabalho | Tempo de Contacto (horas)

120 | 45

Código

ULP1960-15328

Disciplinas complementares recomendadas

Não aplicável

Modalidade de Ensino

Face-a-face

Precedências

Não

Estágio profissional

Não

Conteúdos Programáticos

1. Abordagem concetual ao crime
1.1. Da mutabilidade do conceito à definição penal atual
2. Principais perspetivas explicativas do crime
2.1. A escola clássica
2.2. A escola positivista
2.3 Teorias biológicas e biossociais
2.4 Teorias psicológicas
2.5. A escola de Chicago
2.6. Anomia e desorganização social
2.7. Teorias do controlo social
2.8. Teorias da rotulagem
2.9. Teorias críticas
2.10. Teorias situacionais
2.11. Teorias desenvolvimentais

Objetivos

A presente unidade curricular tem os seguintes objetivos:
Promover conhecimento acerca de como o crime tem sido concetualizado;
Fomentar conhecimento acerca de perspetivas explicativas do crime, nomeadamente seus antecedentes, princípios, implicações e limitações;
Promover reflexão acerca da capacidade explicativa das teorias da atual realidade criminal.

Conhecimentos, capacidades e competências a adquirir

Esta UC pretende desenvolver nos estudantes as seguintes competências:
Conhecer e refletir acerca da natureza e significado(s) do crime;
Evidenciar conhecimento acerca das principais perspetivas aplicadas à compreensão do crime;
Evidenciar competências de reflexão critica sobre as diferentes perspetivas explicativas do crime

Metodologias de ensino e avaliação

As metodologias de ensino incluem: aulas de natureza expositiva, discussão de textos e apresentação de trabalhos realizados em grupo.
A avaliação é mista (nos termos do regulamento de Avaliação de Conhecimentos e Competências da Universidade Lusofona do Porto) e consiste na realização de duas provas escritas (35%+35% ) durante o período letivo e da entrega um trabalho em grupo (30%) na época normal de exames(no mesmo dia do exame final). Os estudantes terão de ter uma nota mínima de 8 valores em cada instrumentos de avaliação.

Bibliografia principal

Bonta, J., Andrews, D. (2017). The Psychology of Criminal Conduct. New York: Routledge.

Krohn, M. D., Lizotte, A. J., & Hall, G. P. (2011). Handbook on crime and deviance. Springer: New York.

Marsh, I., Melville, G., Morgan., K., Norris, G., & Walkington, Z. (2006). Theories of crime. Routledge: London.

Siegel, L. J., (2016). Criminology: Theories, patterns, and typologies. Cengage learning: Boston.