Contacto WhatsApp 961135355

Universidade Lusófona do Porto

Desenho IV

Apresentação

A UC Desenho IV visa completar o ciclo de estudos de desenho para o design com uma importante ferramenta de projeto que é a "cor e perceção". Sendo a "cor" uma das variáveis que compõe o sistema de signos e sinais mediante os quais uma informação pode ser visualmente codificada, comunicada e descodificada, considera-se fundamental entende-la como uma ferramenta poderosa para a transmissão de ideias e emoções no âmbito do projeto. A "cor" pode captar a atenção do público-alvo de forma direta e forte, mas também subtil e gradual, portanto, considera-se pertinente o seu estudo aprofundado para que seja entendida como um elemento criativo dentro do processo projetual de comunicação visual.  

Curso

Design de Comunicação (ULP)

Grau|Semestres|ECTS

| Semestral | 4

Ano | Tipo de unidade curricular | Lingua

3 |Obrigatório |Português

Código

ULP729-3166

Disciplinas complementares recomendadas

Desenho I, II e III.

Estágio profissional

Não

Conteúdos Programáticos

Descrição dos conteúdos:

  • O fenómeno físico da cor; 
  • Realidade e efeito cromático: o pigmento;
  • Interações da cor e fenómenos de ilusão cromática;
  • Realização do círculo cromático de 12 cores;
  • As harmonias cromáticas;
  • Os sete contrastes de cor de Johannes Itten;
  • Projetar com a componente "cor": uso da cor dentro do projeto de comunicação visual.

Objetivos

A unidade curricular está integrada no currículo do curso com o objetivo principal de potenciar o desenvolvimento das seguintes competências:

  • Aprofundar o conhecimento teórico-prático da Cor e Perceção para a realização do exercício da atividade de designer de comunicação visual nos seus diversos contextos; 
  • Aprender a reconhecer alguns fenómenos de ilusão cromática proporcionados pela interação das cores tendo por base as experiências de Josef Albers;
  • Compreender a teoria estrutural das cores através do círculo cromático, dos sete contrastes de cor, e das harmonias cromáticas, tendo por base os estudos de Johannes Itten;
  • Exercitar e utilizar as regras da Cor e Perceção no âmbito do projeto de comunicação visual.

Metodologias de ensino e avaliação

A metodologia de ensino consiste no desenvolvimento de um conjunto de exercícios práticos a realizar durante o período da aula. Os temas abordados serão explorados e estudados através de atividades dinâmicas com discussão de grupo no sentido de proporcionar aos estudantes a descoberta dos fenómenos de Cor e Perceção. 

A presença obrigatória em 75% das aulas de contacto, à exceção dos alunos portadores do estatuto de estudante/trabalhador. 

A avaliação é continua e consiste na elaboração de exercícios em sala de aula e dois trabalhos de comunicação visual, nos quais o aluno deverá aplicar a teoria da cor aprendida. 

A ponderação dos exercícios realizados em sala de aula é de 20%. O primeiro trabalho é individual e tem uma ponderação de 40%. O segundo trabalho é também individual, tem uma ponderação de 40% e deverá ser entregue no último momento de avaliação.

Bibliografia principal

Albers J. (2009). Interazione del colore. Esercizi per imparare a vedere. Milano: Il Saggiatore S.P.A.

Barros, L. R. M. (2008). A cor no processo criativo. Um estudo sobre a Bauhaus e a teoria de Goethe. São Paulo: Editora Senac.

Goethe, J. W. (2002). Theory of Colours. England: The M. I. T. Press.

Itten J. (1991). Arte del colore. Milano: Il Saggiatore.

Kandinsky, W. (1987). Do espiritual na Arte. Lisboa: Publicações Dom Quixote, Lda.

Pastoureau, M. (1997). Dicionário das cores do nosso tempo. Simbólica e sociedade. Lisboa: Editorial Estampa.

Tornquist J. (1996). Colore e luce. Lo Spettro Orchestrato. Teoria e pratica. Milano: Ikon editrice srl.

Wright, A. (1995). The Beginner¿s Guide to Colour Psychology. London: Kyle Cathie Limited.

Horário de Atendimento

Nome do docente  

Horário de atendimento

Sala

Dulce Helena Amorim de campos Ladeiro

Terça-feira em hora a designar

Sala de Professores