Contacto WhatsApp 961135355

Universidade Lusófona do Porto

Política Internacional

Apresentação

Pretende-se com a unidade curricular atingir os objectivos da licenciatura

Curso

Ciência Política e Estudos Eleitorais (ULP)

Grau|Semestres|ECTS

| Semestral | 5

Ano | Tipo de unidade curricular | Lingua

3 |Obrigatório |Português

Código

ULP618-10051

Disciplinas complementares recomendadas

Teorias e Práticas Diplomáticas

Estágio profissional

Não

Conteúdos Programáticos

 1, Introdução

1.1. Doutrinas sobre a sociedade internacional.

1.2. Principio das relações internacionais.

1.3. Caracteristicas e desafios da sociedade internacional.

1.4. A ideia de geo-politica.

1.5. A ideia de geo-estratégia.

2. Os agentes (formais e informais ) das relações internacionais.

3. Os factores condicionantes das relações internacionais

a)Geográfico

b)Demográfico

c)Económico

d) cientifico-tecnológico

e)militar

f)cultural

g)politico

Objetivos

1. Apresentar elementos aprofundados sobre os agentes e os condicionantes das relações internacionais. O estudo das conceções sobre a sociedade internacional e as suas caracteirsticas. os principios das relaçoes internacionais.

2. Ajudar a compreender, a interpretar e a prever o comportamento dos agentes das relações internacionais, principalmente dos Estados, enquanto principais atores das relações internacionais.

3. preparar para desempenhar corretamente funções em orgãos de governação, em multinacionais e organizações governamentais ou não governamentais, principalmente no ambito da União Europeia e dos Estados membros da CPLP.

Metodologias de ensino e avaliação

Práticas de inovação pedagógica: Aulas presenciais com exposição teórica e debate participado com os alunos sobre o conteúdo do programa e utilização de trabalho prático apoiado na bibliografia disponível.

Em cada sessão de trabalho o docente indica o assunto a desenvolver e apresenta os principais conhecimentos sobre o mesmo fazendo um apelo à participação dos alunos.

Em cada sessão são distribuidos os elementos de estudo mais adequados a compreensão da uc.

Sendo a avaliação continua fundamental para obter sucesso considera-se necessário:

a) um trabalho individual sobre um assunto incluido no programa numa classificação de 0 a 20.

b)realização de dois testes com a classificação de 0 a 20.

c)a classificação final, em avaliação continua, é a soma das classificações obtidas nos quatro momentos de avaliação.

d) 40% para o trabalho individual/ 50% para os testes e 10% para a participação em aula e assuiduidade.

Bibliografia principal

 

Boniface,Pascal (2015) Compreender o mundo - as relações internacionais para todos.Lisboa,Texto&Grafia.

Clemens,W.C (1996) Dynamics of International relations, Conflit and Mutual Gain in Age of Global Interdependenca. NY, Mariland, Litlefield Publishers

Maltez,JA (2002) Curso de relações internacionais. Lisboa, ISCSP

Martins, Manuel Gonçalves (2003) relações e desafios internacionais na era da globalização. Sintra, Pedor Ferreira Editor

Martins, Manuel Gonçalves (2016) Desafios das relações internacionais, Lisboa, Chiado Editora

Nye,Jr,Joseph S. (2010) O futuro do poder, Lisboa, Temas & Debate

Kaplan, Robert D. (2012) The revenge of Geography. New York. Random House

Kennan, George F. ( 2012) American Diplomacy. Chicago.The University of Chicago Press

Palmeira, José ( 2006) O poder de Portugal nas relações Internacionais.Lisboa.Prefácio

Kennedy, P (1992) Desafios para o século XXI. Lisboa, Publicações Europa-América.

Vaisse, Maurice (2009) As relações internacionais desde 1945.Lisboa, Edições 70

Horário de Atendimento

Nome do docente  

Horário de atendimento

Sala

António Manuel Lopes Tavares

Sexta feira 9.30

Gabinete da FDCP